> Voltar para lista de artigos

E-Learning aumenta a lucratividade nas vendas

Um dos principais motivos para uma venda de sucesso é transmitir confiança ao Cliente. O cliente deve sentir que sabemos do que estamos falando, que conhecemos o tipo de problema pelo qual está passando e que temos a melhor solução para ele. O conhecimento do produto e do cliente e a motivação à venda, geram esta confiança e fazem de um vendedor um campeão de vendas.

“Não estamos aqui para vender algo, mas para solucionar o seu problema”.
Essa regra vale tanto se estou vendendo um secador de cabelo ou um novo produto alimentício, quanto se estou vendendo um serviço de milhões de reais.

As empresas sabem disso e por isso gastam muito dinheiro no treinamento dos vendedores e na motivação das equipes de vendas.

É importante que vendedores, promotores, pesquisadores, concessionários, franqueados e demais envolvidos, sejam treinados para conhecer as regras de venda aplicadas pela empresa e para conhecer a fundo os produtos ou serviços.

Para cada lançamento devem saber tudo sobre o produto: os pontos fracos e os pontos fortes; o público-alvo; os principais concorrentes; além de saber como transmitir a filosofia da empresa através desse produto, colocando-o de forma correta no mercado.

Enfim, devem adquirir confiança para falar do produto e transmitir esta mesma confiança ao cliente.

Estes treinamentos envolvem, geralmente, uma grande quantidade de pessoas. Precisam ser rápidos porque devem acontecer pouco tempo antes do lançamento do novo produto ou antes de uma determinada ocasião. E são caros porque envolvem altos custos de deslocamento e organização.

O e-Learning oferece uma alternativa válida a esta exigência podendo proporcionar um treinamento eficaz a um grande numero de pessoas, em um tempo muito rápido, com homogeneidade e sem nenhum custo de deslocamento.

Por exemplo, uma empresa de produtos alimentícios, pode treinar os seus promotores e vendedores com cursos de auto-treinamento sobre as peculiaridades dos seus produtos, sobre as regras de merchandising e corss-merchandising, abastecimento adequado dos mercados, posicionamento e visibilidade nos pontos de venda, dialogo entre trade e retail, sobre as características do próximo lançamento, etc.

Assim como uma empresa de seguro pode treinar os seus vendedores sobre os novos serviços, os melhores argumentos de aproximação ao cliente e venda, etc.

Cada promotor ou corretor pode assistir autonomamente estes cursos acessando via internet de qualquer lugar do Brasil, sem ter de deslocar-se até o instrutor da Companhia.

Alem disso, é como se tivéssemos um único treinador que forma a nossa equipe de venda, com consequente vantagem do ponto de vista da homogeneidade com a qual cada vendedor recebe a informação.

Utilizando apropriadas metodologias didáticas - isso é fundamental - estas formas de autoaprendizado à distância, acompanhadas de formas de comunicação colaborativa síncrona ou assíncrona como chat ou fórum, podem ser uma válida alternativa à formação tradicional nas vendas. E considerando a economia na organização e execução do treinamento, podem aumentar significativamente a lucratividade da venda.

Podemos gastar menos para vender mais e melhor!